4.6.15

Porque o secundário me deu bem mais do que um canudo



Setembro 2013. Décimo segundo ano. Primeiro dia de aulas. 



Lembro-me de que estávamos a fazer aquela coisa de: Digam o vosso nome. Que idade têm? E o que querem ser? E, sinceramente, por dentro, já estava a revirar os olhos. Na altura, era bastante mais contida, e falar para um grupo de pessoas que estava a conhecer pela primeira vez, era-me algo um pouco constrangedor. 

"Prazer em conhecê-lo. A colega do lado, agora."

"Eu chamo-me Inês. Tenho dezassete anos. E quero ser médica." Neste momento, achei o que disse vago. E eu não queria ser vaga. Detesto sê-lo. Queria acrescentar-me. A vergonha era alguma, mas a vontade de não ser vaga era maior. E então passado uns dois segundos, rematei dizendo: "Mas se não  o conseguir, o meu desejo é mesmo continuar a ser tão ou mais feliz do que sou agora". Na altura, disse-o sem planear. E disse-o de sorriso estampado na cara. Mas disse-o.

O meu professor sorriu. E disse, sorrindo: "Sabes uma coisa? Gosto muito dessa tua filosofia de vida. Aprecio-a mesmo."  E, de repente, já não me senti vaga. Eu tinha uma filosofia de vida (tinha?) A partir daquele momento, eu tinha-a. E é por isto e por outras tantas coisas que nunca mais vou esquecer este professor. Fez das minhas palavras uma coisa bonita, porque as valorizou como achou que devia. 

4 comentários:

  1. Óhh, que giro Inês :) e estás a uns anos de ser médica :p já viste?! as palavras que disses-te fizeram mesmo sentido! Até porque nota-se a km's que és feliz :D :D

    Beijinho grandeee *

    ResponderEliminar
  2. r: tenho tentado acompanhar as tuas publicações ao máximo :)) e tenho que as comentar :p Óhh, eu até gostava de publicar mais coisas.. mas desde que criei este blogue que estou a tentar visitar todas as pessoas que seguia e nem tenho conseguido. E não tenho tirado muitas fotografias a não ser a eventos e festas :)) mas vou tentar! Beijinhos <3 **

    ResponderEliminar
  3. Há professores assim... que lembramos para toda a vida. E isso é bom.

    ResponderEliminar
  4. Alguma coisa me deixou apaixonada por este post! Talvez a forma como o escreveste... adorei-o mesmo :)

    ResponderEliminar

YOU are here. Thanks for that.

 
Designed by Beautifully Chaotic