1.3.16

INSTAGRAM | Fevereiro



E assim termina o segundo mês deste ano. Como assim já em Março? Fevereiro foi um mês preferido. E porquê? Pelo Puorto. Por Lisbôa. Por aqui e acolá. Por eles. Por mim. 

Pelo blog. Como sempre aqui, deste lado vos escrevo uma das minhas publicações favoritas, que sei que também é uma das vossas. Senhoras e senhores, Fevereiro de 2016.







Como não os referir? Eles fizeram o meu mês. Há 2 anos que já não tinha esta sensação de estar por cá. De ir todos os dias, de forma rotineira e feliz, sempre feliz, para Famalicão. De ver a Nonó mais vezes aos Domingos e de ver o meu irmão todos os dias. De estarmos os quatro à mesa. De falarmos sobre nós. De termos jantares de Domingo calmos, sem a pressa de se correr atrás daquele Alfa das 20:23. É bom estar em casa. 


Fevereiro começou logo logo com o Carnaval. E que início incrível. Para mim, teve um sabor muito especial, porque dias antes recebi a notícia de que a minha época de exames terminava ali e suspirei de alívio, tive picos de adrenalina, experienciei como que lembretes diários do género não acredito que estou finalmente de férias. E estive com os meus amigos. Os mesmos de sempre. Fartei-me de rir, adoooorei o carnaval da minha cidade, que com chuva e frio, conseguiu ser bom à mesma,  porque o que interessa é mesmo a partilha: o entusiasmo com a fatiota, os retoques finais, os encontros com pessoas que não víamos há séculos, os melhores pães com chouriço daquela roulote, os amigos bêbedos, os sóbrios, os faz-de-conta-que-estou-tocado, os desconhecidos, as músicas que toda a gente sabe de trás para a frente. Enfim, foi Carnaval!

Outro "evento" de Fevereiro foi o Dia dos Namorados. Este dia foi sempre particularmente acarinhado cá por casa. E tudo porque tenho uns pais maravilhosos, que se amam imenso. Comecei a entender este dia graças a eles. Não se trata do 'ter que se fazer alguma coisa neste dia porque sim'. Não. Trata-se de, no meio da azáfama dos 365(6 este ano) dias do ano, existir pelo menos 1 em que não há desculpas. É uma tradição deles e eu não consigo achá-la pirosa, porque são eles


Haverá algum mês em que eu não vos leve a pensar em comida? Pois, claro que não. Eu declaro-me uma gordichona daquelas e, por muito que tente manter um estilo de vida saudável, há semanas que ... jasus. Só eu e o meu frigorífico sabemos. 

Na primeira foto, podem ver o meu famoso Latte que já foi aprovado pelo meu irmão (que consegue ser bem crítico com as minhas invenções, acreditem!). Na segunda, umas mini-pizzas feitas pela Mamã, porque de facto, a Mamã é que Sabe. E, por fim, um belo hamburguer acompanhado por umas batatas fenomenais, que só podiam vir do Munchie, uma das minhas hamburguerias favoritas e que já conta com duas visitas minhas.


Algumas fotos das quais me orgulho. Realço aquela em que estou com a Filipa (aka Lips), que marcou o fim do nosso último exame do semestre (nem sequer sonhávamos que já estávamos de férias nesta foto).


A optativa (de Nanomedicina) que fiz por Lisboa, antes do meu estágio, deu-me algumas tardes livres. E como não afogar-me no Chiado - sítio maravilhoso que vocês sabem que me atrai mais que nenhum - nessas horas vagas? Com solinho bom, espaços bonitos e tempo, muito tempo para uns belos flashes.


Trago-vos 3 sítios a que fui e que recomendo (muito!), todos pelo Porto. O primeiro, a bela da Miss Pavlova, que já deixa saudades, confesso. O segundo, o café Costa. E ao tempo que eu queria vir conhecer este sítio. Tenho as melhores coisas para vos falar acerca dele, talvez mais tarde o faça. Mas deixo aqui já uma sugestão muito positiva: O Iced Latte. O melhor. Aquele que eu estava à procura há séculos. É lá que encontram o certo. E, por fim, o Arroz de Forno. Festejei lá o aniversário de uma amiga minha e adorei a francesinha. Se são do Sul ou nunca provaram uma bela francesinha, aqui está um bom sítio por onde começar. 


Mais imagens da minha bela ida ao Porto, com a Patrícia.


E, finalmente, os autorretratos. Auto-imagens que não têm que ser retratos de cara e corpo. Este mês, foram pedaços de mim. 1. O meu hamsa que, apesar de ter um cariz religioso, tem um significado mais especial do que isso para mim. 2. O meu primeiro estetoscópio. Como estava radiante, quase a brilhar tanto como o dourado que é, na verdade, bronze. e 3. A minha bochecha. É uma coisa que gosto em mim: as minhas bochechas gordinhas e alegres. E, se gosto, porque não salientá-la num autorretrato com pouco retrato e muito auto?


 D E S T A Q U E S 

Um snack. Pão torrado, manteiga de amendoim e mel. Magic happens.

Uma música. Tiago Bettencourt - Sara. Tiago, esquece a Sara e casa-te comigo. A verdade é que aqui o Tigas faz sempre músicas com nomes que não incluem o meu. Refere-o uma só vez numa musiquita, mas diz que "quer é a Maria". Isto é mesmo descriminação não é?! Só pode, miúdas. Revoltem-se comigo.

Um filme. "The Room". Até agora, foi o único que consegui ver dos nomeados para os Oscars. O próximo será Spotlight.

Uma rotina. Pensar mais nos meus #workoutfits. Agora que estou a entrar no mundo do trabalho (quase não acreditei no que escrevi... estou mesmo!), entre muitas coisas que gosto de aperfeiçoar e preparar, o estilo é uma delas. Deixo-me inspirar mais do que antes por blogs de moda que confesso que, até agora, não tinham recebido a minha melhor atenção.

Do Youtube. Vocês sabem que eu sou apaixonada pelo youtube e hoje sugiro-vos um canal de uma família incrível que eu adoro acompanhar. Acho que é a coisa que mais me tem entretido nestes últimos tempos. SACCONE JOLYS, ladies and gentlemen. Além disto, se estiverem a precisar de gargalhar, The Late Late Show é o melhor remédio, acreditem em mim! Principalmente, a série CARPOOL KARAOKE. Gosto particularmente da versão com a Adele e com o Justin Bieber.

O filme mais SEM SENTIDO que vi na minha vida. The Lobster. Meus amigos, digo-vos já que dificilmente alguém me conseguirá fazer pensar doutra forma acerca deste filme, mas podem tentar o vosso melhor! Detetei a psicologia toda, só não a quis entender. É de facto, um filme muito mau. 

As vossas reações a isto. Não estava mesmo nada à espera das respostas lindíssimas e incentivos que recebi, de vossa parte. Normalmente, em cada publicação, há sempre aquele tipo de comentário rápido e simples que parece não ter nada de especial, a não ser "marcar presença". Mas nesta... nesta publicação, vocês deram imensas opiniões sinceras e eu senti-me realmente envolvida por isso. Porque um desabafo que pensei que fosse só meu, era afinal o de muitas outras pessoas. É com estes simples passos que caminhamos para a explicação da minha teoria de que Toda a Gente Devia Escrever um Blog. É terapêutico. Obrigada por serem os maiores!



the end

14 comentários:

  1. Oh Inês, eu adoro de morte as tuas fotografias! E adorei este post de coração! Que Março seja ainda muito melhor! :))

    ResponderEliminar
  2. Eu prometo ver esse filme se prometeres ver o What Richard did. Para mim, esse é de sempre O PIOR filme ahaha
    E por favor (mesmo muito!!!) podes meter aqui a receita das mini pizzas da tua mãe?? Por favor!! Apetecia-me já um belo teletransporte!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou tentar ver!

      Claro que sim. Então é assim: pão integral (do Lidl)
      linguiça às rodelas
      queijo mozarella
      manteiga para barrar as tostas

      No fim, vai ao forno o tempo até que o pão toste e o queijo derreta. E depois, é só terminar com umas pitadas de ervas aromáticas.

      Alternativa: em vez da manteiga normal, podem usar molho de alho da Heinz.

      Espero que gostes!

      Eliminar
    2. Vou tentar ver!

      Claro que sim. Então é assim: pão integral (do Lidl)
      linguiça às rodelas
      queijo mozarella
      manteiga para barrar as tostas

      No fim, vai ao forno o tempo até que o pão toste e o queijo derreta. E depois, é só terminar com umas pitadas de ervas aromáticas.

      Alternativa: em vez da manteiga normal, podem usar molho de alho da Heinz.

      Espero que gostes!

      Eliminar
  3. Gosto tanto destas publicações porque as tuas fotos são incríveis, não me farto de o dizer! O carpool com a Adele foi fantástico, até descobrimos os dotes musicais do James Corden :P

    ResponderEliminar
  4. Gosto muito destas publicações, é bom saber um pouco mais sobre ti e o que gostas. Adoro a forma como as descreves.
    As tuas fotos, como sempre, estão fantásticas :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Adoro esta rubrica do instagram :)
    Segui o blog, beijinhos
    Aqui fica o meu, www.prettyinpinkmc.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  6. Inês!! Posso ir à tua casa, abraçar-te e agradecer-te por esta publicação, em especial? Digamos que o meu dia terminou bastante bem e ter vindo parar ao teu blogue, deparar-me com fotos incríveis e um texto maravilhoso fizeram-me sentir melhor ainda! Porque é que todas as Ineses da blogosfera que conheço são fantásticas?
    Aproveito para dizer que eu adoro bastante o teu blogue, as coisas que escreves e a sensação de aconchego que nos transmites. Vê-se que és uma rapariga incrível e que se tens todo o amor e apoio que tens é porque o mereces! E visto que fevereiro foi um ótimo mês para ti, desejo-te um março ainda melhor e com mais momentos bonitos para partilhares connosco.
    Com muito por dizer, mas não por agora...

    Beijinhos!
    A Vida de Lyne

    ResponderEliminar
  7. Os finais dos meses vêm sempre cheios de publicações deliciosas nos diferentes espaços e eu adoro as tuas reflexões mensais! :D Tenho a sensação de que me estou sempre a repetir, mas a verdade é que as tuas fotografias continuam fantásticas e continuas a ser uma pessoa incrível cheia de amor por ti (muito importante!), pelos teus e pela vida...
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  8. Adoro a forma como fizeste este post, normalmente só vejo posts com as fotos do instagram sem estarem assim por categorias e com comentários... Já te pedi para te seguir por lá :)
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  9. Olá Inês :)
    Nomei-te para uma TAG no nosso blog! :) Se puderes, passa por lá e responde.
    http://meioarrojado.blogspot.pt/2016/03/tag-completa-frase.html

    beijinho*

    ResponderEliminar
  10. Apesar de não ser novidade nenhuma, tenho a dizer que voltei a adorar as tuas fotografias.
    Já provei o latte da publicação que fizeste e gostei muito mais do que estava à espera.
    Chamando-me também Inês, percebo perfeitamente o que queres dizer em relação às músicas do Tiago Bettencourt e também já tive a minha própria revolta momentânea interior sobre isso xD

    Que Março te traga imensos momentos positivos!

    ResponderEliminar
  11. Muito obrigada pela receita! :)

    ResponderEliminar
  12. Inêzinhaa! É incrível como consegues descrever-te com fotografias :)) ADOREI esta publicação!
    É mesmo muito bom ver e rever bocadinhos de ti :))

    ResponderEliminar

YOU are here. Thanks for that.

 
Designed by Beautifully Chaotic